Quem nunca ouviu “Eye of The Tiger” e sentiu vontade de sair correndo por aí, ou fuzilar um saco de pancadas com muitos jabs jabs e diretos? A icônica música da banda de Hard Rock, Survivor, mexeu com a galera dos anos 80 e ainda emociona muita gente até hoje.

Sly (Sylvester Stallone) encomendou a música especialmente para o Survivor, depois que a fodástica banda Queen se recusou a ceder seu hit “Another One Bites the Dust” para o Cláaaaaassico Rocky III. Agora, imagine se o Queen tivesse aceito a proposta? Nunca teríamos essa obra prima que virou sinônimo de vitória.

“Eye of The Tiger” foi um acerto tão grande que ela também foi utilizada no quarto filme da saga de Rocky Balboa, junto com a “Burning Heart”(também do Survivor), que é também excelente e inspiradora.

E quando a música extrapola o filme, ganha um bando de admiradores. Veja o que alguns deles fizeram:

Eye of The Tiger e os esportes:

Acredito que 2 grandes fatores sejam responsáveis por essa musica figurar na maioria das playlists de pessoas que gostam de suar a camisa ao praticar esportes.

1- Mensagem Direta

Ao ouvir a música, é fácil lembrar das cenas de treinamentos e superação de Rocky Balboa nos filmes. A letra também é bem clara ao passar uma mensagem motivacional. (Caso você queira conhecer a letra e ver sua tradução, clique aqui).

2- A Parte Científica

O segundo motivo é que em esportes como musculação (e provavelmente corrida), as músicas precisam ter uma pancada cadenciada, agressiva, para trazer um controle neuromuscular aplicado. Em outra palavras, quando você correr ou malhar, dê preferência para músicas como Rap ou o Rock para obter um melhor desempenho e melhorar a concentração e a execução do movimento.

Coloque “Eye of the Tiger” na sua playlist e lembre-se que você também é um campeão!